Sobre o “Sobre”

“Textões”

Simples – e contraditório, eu sei – e direto: Esse, em vermelho, é o motivo desse Blog.

Se você os odeia, do fundo do seu coração, eu me sinto triste em dizer, mas… Possivelmente, esse Blog não vai lhe agradar…

Olha, Rodrigo… Se dá pra definir o motivo do Blog com uma única palavra… Tá meio errado esse esquema de “Textões” como motivo, num tá não???

Amiguinho… “Você não me conhece…” 🙂

Nada, mesmo, de verdade, dura muito tempo na minha mão, sem se tornar um texto com 2 mil e poucas palavras (Estatística importante [pra quem?]: Cada 450 palavras rendem, mais ou menos, 1 página do Microsoft Word e, a velocidade de leitura de um universitário mediano nos EUA, é de exatamente 450 palavras por minuto).

Mas, esse “Sobre” é, intencionalmente, contraditório. Por 2 razões:

  1. Eu quero que você leia meu post “O dia em que sai do Facebook“. É o primeiro post da história do meu Blog, e explica quase toda a raison d’être (praticando meu Francês) dessa empreitada.
  2. Eu não quero lhe dar todos os detalhes de mão beijada. 🙂

Com o tempo, você vai entender a essência das minhas proposições e discussões, e este espaço que nasce naturalmente indefinido, vai passar a ter uma “cara” identificável – e personalissíma – a você.


Quero usar essa construção para fazer o que me foi indiretamente negado, no Facebook: Discutir Sobre Tudo & Sobre Todos.

Vamos falar de religião? Vamos

Vamos falar de Polícia? Vamos.

Vamos falar de Filosofia? Pode apostar que vamos.

Vamos falar de Dilma? E de Aécio? E de Política Externa? Vamos, vamos, vamos.

Vamos falar de Espaço, e novas descobertas científicas? Claro.

E de futebol? Improvável, mas me mostre o que é relevante no assunto (a CPI da CBF, por exemplo) e você terá um “textão”, só sobre isso. 🙂

E também vamos falar de lei, de sociedade, de comportamento e convivência, de família, de evolução, de engenharia, e… Bem, acho que você já entendeu… É Sobre Tudo & Todos, de verdade…

Obviamente, eu tenho preferências: Lei & Política são, claramente, dois assuntos que me interessam mais que os demais.

Mas, no passado recente, eu já falei sobre Vacinas, Feminismo, A História por de trás de “Esquerda” e “Direita”, Macro-economia, O Direito sagrado de ser um imbecil, Ida à Marte, Filmes de Super-Heróis, e a lista segue até meados de 2013, quando comecei com esse negócio de escrever bastante (não necessariamente, “bem”), sobre todo tipo de assunto.

Ao longo dos textos, você vai poder conhecer um pouco mais das minhas opiniões e visões sobre todos os temas citados; logo, não vou sair contando tudo por aqui.

Mais do que o texto inicial, o que eu REALMENTE desejo, é fomentar e ver acontecer um debate sincero e sem falácias (depois daqui, sugiro que você visite a página “Fazendo o bom debate“, para saber o que espero de cada um de nós, nesse espaço que criei para fugir das regras do Facebook…), feito por gente real, que sente e sofre com os assuntos discutidos, e que quer fazer algo para mudar – nem que seja começando pela consciência dos envolvidos.


Quanto a periodicidade do Blog, eu juro, juro mesmo, que pretendo fazer uma média de 4 posts por mês. Isso dá, mais ou menos, 1 artigo semanal. É um pouco difícil porque, como você vai ver no primeiro post do Blog, eu quero muito deixar de ser burro ( 🙂 ). E isso inclui muita leitura e muita dedicação off-line. Mas, qual é né, pessoal? Não paguei por este espaço para deixá-lo juntando pó! 🙂

Portanto, juntem-se à mim, visitem o Blog, assinem o RSS, ou acompanhem minhas redes sociais, e vocês estarão sempre cientes dos novos posts.

Ao ler, não pare por aí: Comente! Com qualidade, claro.
E assim, trocaremos idéias sobre o assunto, até chegarmos em algum lugar diferente do inicial e, com sorte, um pouco mais distantes do mais perigoso status vigente da raça humana: A ignorância.


Quanto às imagens e demais conteúdos de terceiros: Toda vez que incluo uma imagem em um post, ou vídeo, ou qualquer outro conteúdo que não é de minha autoria, tenha certeza de que pesquisei nas ferramentas de busca, por conteúdo que permitisse o uso sem fins lucrativos, com direito à modificação e vinculação. Se é pra falarmos em ética (e, certamente, vamos falar muito disso, por aqui), melhor não errar logo de início. 😉


Ah! Também, preciso que você saiba que, quando falarmos em Tecnologia, sou um funcionário da Microsoft Corporation. Os textos e opiniões que emito, por aqui, são inteiramente pessoais e de minha, e só minha, autoria.
Não represento, nem estou autorizado a falar em nome da minha empregadora. Tanto a Empresa, como meu gerente, não têm conhecimento das minhas atividades como “blogueiro”, logo, NADA escrito neste Blog pode, sob qualquer alegação, ser ligado à Microsoft ou seus representantes, ok?! 🙂


Muito obrigado por ter lido tudo, e espero que o espaço (e os posts) lhe agradem! (Caso contrário, me avise, e veremos o que pode ser feito).

 

Atenciosamente,
Rodrigo – Escritor, Editor, Colunista, Revisor, CEO, CIO, CFO, COO, Chairman, Diretor, Gerente, Analista, Almoxarife, Acionista Majoritário & Minoritário, Tio do café (…) do Sobre Tudo & Todos.Org

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑